O que é um ensaio documental - Fotografia documental de família - São Paulo SP e Jundiaí SP

Comment

O que é um ensaio documental - Fotografia documental de família - São Paulo SP e Jundiaí SP

Fotografar uma família é acolhê-los, mas ser também acolhida por eles. E é bem nesse ritmo que acontece um ensaio documental. 

Em alguns casos já nos conhecemos faz tempo, em outros, como foi o caso dessa família, a hora em que chego é o nosso primeiro contato presencial. Antes disso existem as trocas de e-mail para que eu possa conhecer um pouco melhor aquela família, saber como é a rotina, o que eles gostam de fazer no dia a dia, o que é importante pra eles. 

E quando você chega, como é? O que a gente deve fazer?

Vocês devem ficar livres para serem vocês mesmos. E isso pode parecer um pouco anti natural, já que agora tem uma pessoa estranha com uma câmera na casa de vocês. Mas nós iremos com calma, nos conhecendo, e aos poucos todos nós ficamos confortáveis, e a minha presença passa a fazer parte daquele dia. 

E depois disso o tempo voa!

- - - 

Aqui tem um resumo do resultado final de um ensaio, e lá no final do post eu fiz um slideshow com mais imagens, pra você ter uma ideia melhor.

E agora, se você quiser ver mais fotos desse ensaio, é só aproveitar o slideshow:

Comment

Como tudo começou - Fotografia Documental de Família - São Paulo SP e Jundiaí SP

Comment

Como tudo começou - Fotografia Documental de Família - São Paulo SP e Jundiaí SP

Como pode uma imagem, uma cena, mudar tanta coisa na nossa vida? 

Pouco mais de um ano atrás eu estava na casa de uma amiga querida. Tinha feito algumas fotos dela com a filha, pra finalizar um registro que havíamos começado 2 anos antes, quando sua filha mais nova nasceu. E terminado esse registro, Clara tirou sua soneca vespertina, enquanto eu e Elisa ficamos conversando. Quando acordou Clara foi pra sala, e Elisa pegou alguns potes com petiscos. A luz estava bonita, eu peguei novamente a câmera, e uma cena aconteceu ali na minha frente. Uma cena não planejada, numa sala com laptop, bombinha de inalação, fios espalhados, lã no canto do sofá. 

Naquele momento eu descobri que a tal fotografia do cotidiano, que eu vinha sonhando há algum tempo, era possível, e era também linda. Cheia de história. 

 

Comment